SEO para ecommerce: por onde começar?

SEO para ecommerce: por onde começar?

O investimento no marketing digital e nas ações publicitárias tem deixado de ser um diferencial econômico e se tornado, cada vez mais, indispensável para a sobrevivência e crescimento de qualquer negócio, especialmente no ecommerce.

Isso porque, é através dessas estratégias que as instituições serão capazes de atrair novos clientes, conquistar uma taxa maior de conversão de leads, aumentar o número de vendas e fazer a fidelização dos compradores da marca.

Mas, para que isso seja possível, a utilização do SEO é essencial.

Afinal de contas, essa técnica de Otimização dos Sistemas de Busca é um conjunto de ações que visam melhorar o posicionamento do seu site ou conteúdo, nas pesquisas feitas no Google ou no Yahoo Search.

Assim, as empresas são capazes de fazer com que a sua loja virtual conquiste mais visibilidade entre o público geral e que ela obtenha um aumento no tráfego do seu blog ou site institucional.

Quando utilizado em conjunto com bons sistemas de crm gratuitos, o SEO pode trazer um sucesso muito maior no processo de conversão de vendas e a empresa pode desfrutar, inclusive, de um aumento considerável no valor do Ticket Médio institucional.

Importância do SEO para e-commerce

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Hubspot, em 2020, cerca de 76% dos consumidores entrevistados afirmaram que quando fazem pesquisas no Google, não tendem a verificar os resultados obtidos a partir da segunda página.

Entretanto, cerca de 62,5% das pessoas que fazem compras online indicaram fazer uma pesquisa prévia nos buscadores como o Google, sobre a marca de interesse ou o produto em questão. Isso é o que afirma a Pesquisa Consumidor Digital 2020.

Neste contexto, é possível perceber como se manter em uma posição de destaque nas plataformas de buscas digitais se faz essencial no processo de:

  • Conquista da confiança do público;
  • Aumento do tráfego qualificado ao seu site;
  • Aquisição de visibilidade orgânica para a marca;
  • Aumento da competitividade da sua empresa;
  • Construção de autoridade no mercado;
  • Controle de leads, entre outros.

Assim, a introdução das ações de SEO para o e-commerce pode ser determinante para o sucesso do seu negócio.

Uma vez que são essas estratégias que farão o seu site ocupar os primeiros posicionamentos na SERP – página de resultados do Google – e que trarão mais visibilidade para a sua loja virtual.

Como começar introduzindo as ações de SEO na sua empresa?

A hierarquização dos sites é feita de acordo com uma classificação realizada pelo algoritmo do Google, conhecido popularmente como Googlebot.

Esse mecanismo funciona fazendo um rastreamento de todos os sites – que podem ser milhares – e analisando todos os conteúdos publicados.

A partir daí, esses materiais serão organizados de acordo com uma série de fatores que determinarão a classificação de cada site e conteúdo.

Ainda que não seja divulgado exatamente quais são todos esses aspectos analisados pelo Googlebot, existem algumas otimizações que tendem a trazer bons resultados na indexação da sua página.

Por isso, se você deseja aperfeiçoar o alcance do seu site e aumentar as suas vendas por meio da adoção de estratégias de SEO, conheça as melhores formas de fazê-lo:

 

  1. Definição de palavras-chave

A definição das palavras-chave é considerada uma das partes mais importantes do SEO. 

Isso porque, são essas terminologias que serão procuradas pelos compradores durante a pesquisa e que tornarão o seu conteúdo ser classificado como mais qualificado para aquele consumidor.

No entanto, ao escolher as melhores terminologias a serem introduzidas no seu conteúdo digital, é muito importante levar em consideração as informações obtidas pelo sistema de crm gratis e no seu funil de vendas.

Afinal os termos empregados devem ser capazes de atrair para a sua loja ou blog potenciais compradores em todos os níveis da jornada de compra.

 

  1. Produção de conteúdos qualificados

Seja na produção de artigos para blogs institucionais, nas postagens em redes sociais ou nas descrições de categorias ou produtos do seu e-commerce, o material produzido digitalmente precisa ser sempre completo, relevante e original.

Além disso, a partir de 2015, o Google fez uma atualização das metodologias utilizadas para rastrear e ranquear os conteúdos da web, onde o algoritmo é capaz de identificar o nível de interesse dos clientes por meio do comportamento das pessoas no seu site.

Por isso, em conjunto com tornar esses títulos e descrições únicos e de qualidade, também é importante garantir que eles sejam em concordância com as informações obtidas por meio de sistemas como o crm plano.

 

  1. Otimize o sitemap

Depois de investir na otimização do conteúdo produzido, atentando-se com os aprimoramentos necessários nas imagens utilizadas, nas URLs, Meta Descrição, Heading Tags, nos títulos das páginas e etc, é preciso focar também na configuração do seu site.

Afinal, a facilidade de navegação, a rapidez com que os materiais são carregados e a adaptabilidade deste conteúdo para diferentes tipos de dispositivos eletrônicos – como celular, tablet e computadores –, são fatores-chave durante a avaliação do Googlebot.

Uma das formas de fazer isso, é garantindo que todas as páginas do seu site fiquem acessíveis para os clientes em, no máximo, três cliques a partir da home page.

Isso aumentará a satisfação dos consumidores e o engajamento, fazendo com que o algoritmo classifique ainda melhor a sua loja.

O investimento em sistemas de crm preço é determinante para o sucesso das ações de SEO, pois quando utilizados em conjunto, os investimentos tornam mais fácil a classificação dos clientes e identificação do que essas pessoas procuram em serviços do seu segmento.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Top News Tech, site voltado 

para a veiculação de conteúdos relevantes para empresas, contribuindo com estratégias para o desenvolvimento do negócio.

Back To Top
%d blogueiros gostam disto: