Por que as unhas encravam? – Entenda

Unha encravada

Quem já teve uma unha encravada sabe como é sentir o pé desconfortável sem estar usando sapatos ruins. Sem falar da dor. Mas, existem alguns motivos que levam as unhas a encravarem. Lembrete: isso pode acontecer tanto nos pés como nas mãos.

Um dos motivos mais simples que pode levar a unha a encravar é simplesmente cortá-la errado. Esse problema é muito comum também em pessoas com alguma má formação nas unhas ou pés.

Existe uma série de fatores que levam a isso e todos eles acabam ocorrendo por algum descuido nosso, seja uma simples falta de atenção ao bater o dedo forte em algum lugar, a utilização de calçados apertados ou falta de cuidado.

Hoje você vai ficar sabendo porque as unhas encravam e como resolver ou amenizar esse problema.

O que é unha encravada?

É uma condição onde as laterais da unha crescem de forma anormal e adentro a carne lateral do dedo, o que gera desconforto e dor.

Embora essa condição atinge mais frequentemente o dedão, os outros dedos não estão livres de acabar na mesma situação. O tratamento, dependendo do caso, é bem simples, ou até necessita de medicamentos.

Por que as unhas encravam?

Alguns fatores simples podem levar a essa complicação. Batidas, unhas mal cortadas e mal cuidadas, o tamanho dos dedos (dedos pequenos demais), sapatos apertados ou até ter nascido com uma condição que leve a isso.

Dedos pequenos

Nessa condição, a unha pode acabar excedendo o tamanho do dedo, o que pode levá-la a adentrar a carne.

Pancadas

Dependendo da pancada que você tiver dado, a unha pode sofrer deformação e começar a crescer para onde não deveria, o que gera a unha encravada.

Calçados apertados

Utilizar calçados apertados podem ocasionar unhas encravadas ao apertar os dedos fazendo com que as unhas acabem cravando a carne.

Como resolver ou amenizar esse problema?

Pode ser resolvido em casa, caso o problema não seja grave. Nesses casos, basta levantar o canto das unhas e inserir pedaços de gaze e esperar até que o problema venha a se resolver naturalmente. Para fazer esse processo você vai precisar seguir algumas orientações.

Primeiro deixe o pé de molho, principalmente a área da unha encravada, em água morna ou quente por 20 minutos pelo menos. Depois disso use uma pinça ou qualquer coisa que não machuque a unha nem o canto do dedo para levantar a ponta que está encravado.

Em seguida coloque a gaze e o algodão. Você precisa trocá-lo diariamente. E deve evitar que o canto do dedo afetado acabe infeccionado passando algum tipo de solução antisséptica.

Nunca corte esse pedaço encravado, isso não vai resolver seu problema e caso a área esteja vermelha, inchada e com pus, não tente fazer nada em casa e busque ajuda em algum ponto de saúde ou hospital.

Andar mais tempo descalço

As unhas encravam com sapatos apertados devido a pressão que o mesmo exerce sobre os dedos e as próprias unhas e seu uso contínuo agrava o problema. Andar descalça favorece o alívio dessa pressão e permite o crescimento natural das unhas.

Esse simples ato diminui e muito a probabilidade das suas unhas encravar.

Evitar calçados apertados

Quanto mais confortável o calçado, mais seus dedos vão te agradecer e te livrar daquelas dores irritantes e do incômodo que uma unha encravada pode trazer. Essa dica para os diabetes vai evitar algumas idas ao hospital.

Não cortar as unhas muito curtas

Saber cortar as unhas da maneira correta não é uma habilidade que nasce com as pessoas, então, é importante saber exatamente como fazer isso e evitar uma dor de cabeça, quer dizer, uma unha encravada.

Não corte a unha muito curta, ela tem um comprimento ideal e deve ser respeitada. Quando sua unha estiver curta, garanta cortar apenas rente a ponta do dedo, vai sobrar um pedacinho que parece que não foi cortado, mas é só impressão.

A medida certa para as unhas é estar cortadas de maneira a ponta cobrir a ponta do dedo.

Verifique seus pés diariamente

A unha não cresce do dia para a noite encravada, ela aos poucos vai chegando lá e enquanto você não sente, sempre vai acabar tendo a possibilidade de isso acontecer. Mas, quanto antes perceber isso, melhor vai ser de tratar.

Por tanto, depois do banho, verifique o estado das suas unhas, chegue aos cantos e garanta que nenhuma delas começou a querer encravar.

Cuide da higiene dos seus pés

A higiene é parte importante do cuidado dos pés, deve prestar bem atenção e estar sempre perceptível a desconfortos que possa sentir. Mas, para evitar qualquer coisa, garanta a hidratação, a limpeza e unhas cuidadas e tratadas da maneira certa.

Use hidratantes e cosméticos em suas unhas

A hidratação das unhas pode ser feita facilmente com cremes hidratantes, cosméticos no geral destinados ao cuidado das unhas e cutículas. Caso tenha dúvida, procure ajuda de um especialista para recomendar o produto ideal para o seu caso.

Os pés são a área do corpo que mais estão expostos a impurezas, sujeira, fungos e bactérias que vivem se arrastando pelo chão. A hidratação vai evitar o ressecamento que nossos pés sofrem e evitar também que fungos se proliferam.

A parte da cutícula também precisa estar sempre bem hidratada e saudável. Isso também acaba influenciando no surgimento de complicações nos dedos como a proliferação de fungos devido ao ressecamento.

Existem produtos específicos para esse cuidado, mas prevenir é a melhor forma de evitar esses problemas.

Back To Top
%d blogueiros gostam disto: