Como contratar um bom pedreiro para sua obra?

Conhecer os trabalhos anteriores e escolher um que seja especialista para o que você precisa são dicas fundamentais. Se você vai iniciar uma obra ou pretende realizar uma reforma na sua casa, apartamento ou loja, sabe que contratar um bom pedreiro é fundamental. Afinal, o envolvimento de bons profissionais são verdadeiras soluções para construção, a fim de garantir o resultado que você espera, com conforto e segurança.

Entretanto, o que pode ser feito para contratar um bom profissional? Quais aspectos o contratante precisa estar de olho para fazer a melhor escolha? Caso tenha dúvidas sobre o assunto, confira as dicas abaixo para orientá-lo neste processo.

Procure por indicações e referências

Uma das melhores formas de contar com um profissional competente em sua obra é procurar por referências ou indicações de outras pessoas. Por exemplo, você pode perguntar para amigos, familiares, vizinhos ou colegas de trabalho que tenham feito alguma obra recente por indicações de bons profissionais.

Neste caso, a informação nunca é demais. Além de questionar sobre o conhecimento técnico do profissional, também vale saber como é a sua índole e comportamento no ambiente de trabalho. Se for o caso, vale a pena até mesmo perguntar por indicações com engenheiros, que possam indicar um nome competente e de confiança.

Avalie os trabalhos anteriores do pedreiro

Durante a sua pesquisa por um possível nome, também é interessante que você faça uma avaliação dos trabalhos prévios dos candidatos. Checar quais foram as construções em que ele esteve envolvido (ou mesmo as reformas) é uma medida de segurança, pois você está se certificando que o trabalhador produziu bons resultados.

Essa avaliação é uma maneira de conferir o currículo do profissional. É uma excelente oportunidade para conferir se ele realizou um trabalho que é compatível com o que você pretende fazer em sua residência. Também é interessante olhar a carteira de trabalho dele para ver há quanto tempo ele desempenha essa profissão, visto que um pedreiro experiente costuma ter um trabalho mais aperfeiçoado.

Dê preferência para pedreiros especialistas

É importante que você saiba que existem várias especialidades na profissão de pedreiro, envolvendo acabamento, alvenaria e colocação de azulejos, por exemplo. E nem todos os profissionais são versados em todas elas, uma vez que é comum eles se especializarem em uma dessas vertentes e desenvolverem o seu conhecimento dentro dela.

Por isso, o mais indicado é que você escolha um pedreiro que exerça a especialidade necessária para sua obra ou reforma. Assim, você tem a certeza de que terá um trabalho feito com qualidade, rapidez e menos gasto de materiais.

Elabore um contrato

Mesmo que você não vá fazer uma grande obra, é interessante elaborar um contrato formal ao solicitar os serviços de um pedreiro. Por mais simples que a demanda possa ser, a elaboração e assinatura de um contrato proporciona maior responsabilidade quanto ao pedreiro da sua obra.

Assim, coloque no contrato uma descrição dos serviços, os dados pessoais de ambas as partes e quais são as condições do acordo. Dessa forma, em caso de imprevistos, o contrato servirá como uma ferramenta para realizar ajustes.

Evite o pagamento de diárias

Outro ponto que o contratante deve estar atento é evitar a modalidade de cobrança diária. Nela, você deve pagar o trabalho dele (e de algum ajudante) por dia, o que pode acabar sendo mais caro para o seu bolso. Em vez disso, negocie para que os pagamentos aconteçam após a realização de metas.

Por exemplo, pode ser combinado que parte do pagamento será feita após acabar o término do telhado, de fazer o primeiro cômodo ou de concluir parte da reforma acordada. Não se esqueça que ainda deve haver um montante separado para ser pago após a conclusão de todo o projeto.

Back To Top
%d blogueiros gostam disto: